quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Reencontro!


A Missão de Teresina/PI vem compartilhar com todos a alegria do reencontro da Ir. Ana Catarina do Eterno Amor do Pai e de sua mãe Alderina Quirino de Oliveira, depois de 40 anos.


Natural de Fortaleza/CE, Ir. Ana Catarina foi criada pela família paterna em São Gonçalo/RJ. Desde os sete anos de idade, não teve mais notícias de sua mãe e de seus três irmãos. 

Ao entrar na vida religiosa, após um tempo, manifestou o desejo de reencontrá-la, mas não sabia por onde começar. A única informação que possuía era que, provavelmente, a  sua mãe continuaria em Fortaleza/CE. Chegando à Missão de Teresina/PI, em junho de 2012, ela tomou a decisão de buscar maiores informações a sobre sua família. Aproveitou que estava mais próxima do estado do Ceará e, talvez, fosse mais fácil. 

Buscamos apoio junto à Defensoria Pública do Estado do Piauí, através da Defensora Pública Dra. Irani Albuquerque Brito, da 2ª Defensoria Pública da Família. Ali, nos foi orientado, procurar a Previdência Social com toda a documentação que ela possuía. O objetivo era realizar uma busca nos registros daquele órgão na tentativa de encontrar alguma “pista” sobre sua mãe.  

O Órgão alegou que não poderia fornecer os dados solicitados, pois eram sigilosos. Recorremos, novamente, à Defensoria Pública, que emitiu um ofício dirigido à Previdência. Foi através desse documento que descobrimos que sua mãe recebia benefício do INSS. Segundo os dados constantes no INSS, sua mãe morava em um município da zona rural do Ceará. Entretanto, ao entrarmos em contato com o posto de saúde do local, descobrimos que sua mãe havia se mudado para Fortaleza (sua residência atual). 

Com o apoio da nossa Casa Fraterna Mãe do Pobres em Fortaleza, no dia 13/09/2012, foi possível a realização do encontro entre a Irmã Ana Catarina e sua mãe. Além disso, Irmã Catarina conheceu suas tias, seu irmão e uma meia irmã. Foi um encontro muito emocionante. A mãe, também, nunca mais teve notícias dos filhos!

Hoje, elas mantêm contato por telefone e já convidamos Dona Alderina para passar uns dias conosco, em nossa casa de Missão.

Será um recomeçar na vida dessa família. Agradecemos ao Bom Deus que tudo providenciou para esse encontro e a todos que nos ajudaram. Deus lhes pague!



Testemunho do reencontre entre a Irmã Ana Catarina,
da Missão Teresina/PI, e sua mãe Alderina Quirino de Oliveira

Um comentário: